quinta-feira, 26 de março de 2015

Às vezes não é fácil acreditar que o que nos espera é bom. Que o caminho, por mais esburacado que seja, quando chegar ao fim vai valer a pena. Não é fácil acreditar que pode resultar, que vai resultar, porque se não resulta no presente, porque é que o futuro será melhor? Se as coisas não mudam agora porque hão de mudar amanhã? Se há coisas sempre iguais. Se os motivos são sempre os mesmos, se o que nos faz sentir mal se mantêm porquê que acreditar num futuro? E se não acreditarmos, faz sentido continuar? Se não acreditarmos vamos lutar pelo quê? Vamos trabalhar para que? Investir porque?
A merda toda, mas a merda mesmo, que não tem outro nome, é que as pessoas não se sabem por no lugar umas das outras. E quando começamos a deixar de acreditar, não nos sobra mais nada.

Sem comentários:

Enviar um comentário